Notícias e Eventos

 

17 de Janeiro de 2018
Notícia

Valuation: quanto vale sua empresa?

Assunto até mesmo de série de TV, o valuation vem cada vez mais sendo utilizado nas organizações para valorizar as negociações.

 A  série de TV Shark Tank trata de um assunto muito atual e valiosíssimo das empresas: o Valuation. Esse tema está cada vez mais sendo considerado nas organizações, pois é através dele que se estima o valor de uma empresa, podendo ser peça fundamental para conseguir um sócio investidor, diversificação, abertura de empresa para capital aberto, enfim, diversas negociações e medidas podem ser viabilizadas pelo conhecimento de informações geradas peo Valuation. O primeiro passo para adoção do valuation é considerar três pontos vitais da empresa: Custos, receitas e custo da oportunidade. 

Custos

É importante ter uma estratégia de custos inteligente. Conhecer os custos é primordial para o cálculo do Valuation. Uma má gestão dos custos compromete os resultados obtidos, o que pode deixar sua empresa desinteressante, quando o intuito do cálculo é captar sócios, por exemplo.

Receitas

A estimativa assertiva da receita depende de um alinhamento da empresa ao seu planejamento estratégico. Este deve ter metas claras e objetivas para que seja possível projetar receitas realistas. Uma boa análise do ambiente que se está inserido contribui também para que as projeções financeiras estimem uma valor de mercado correto.

Custo de oportunidade

Ao estimar o valor da empresa deve-se levar em consideração os custos de oportunidade do mercado, pois o tesouro direto ou a poupança jamais podem render mais do que seu empreendimento, e isso deve ser levado em consideração o para o cálculo final.

Trabalhar com estimativas é desafiador. Uma super ou sub valorização faz com que se perca oportunidades de ganho em negociações e transações financeiras com terceiros.

A SISEN soluções atua com profissionais especialistas em Valuation e business. Quer saber mais sobre nossas soluções? Entre em contato conosco clicando aqui.

DEPOIMENTO

Dra. Janete Ana Ribeiro Vaz

Presidente - Laboratório Sabin

Participamos do PAEX por 5 anos e esta parceria começou em um momento em que o Sabin estava com vários programas de Gestão de Qualidade e revisão de processos. Aquilo que pensávamos que seria mais uma atribuição para nossos gestores, pelo contrário, foi uma ferramenta de unificação para o SIG-Sabin (Sistema Integrado de Gestão). Padronizamos e aprendemos a utilizar as ferramentas e os indicadores de gestão. Outro diferencial foi a introdução do Painel de Bordo para todos os líderes em todas as unidades de negócio.
Dado o nosso grande crescimento, migramos para outra parceria, a PCSS, que está nos permitindo o crescimento sustentado. Com novas metodologias e ferramentas desenvolvidas pela FDC entramos em um estágio ainda mais avançado de nossa gestão.